Sobre a cidade

Localizado na zona da mata de Alagoas e conhecida como a “Suíça Alagoana”, Mar Vermelho é um município alagoano que possui, segundo o último censo, 3.652 habitantes.
 
Antigo distrito subordinado de Anadia foi elevado a categoria de município em 03 de fevereiro de 1962. No final do século XIX, a lagoa existente no povoado de clima ameno era rodeada de gravatás, um tipo de árvore que no outono deixa cair suas folhas de coloração vermelha no chão e nas águas do lago.
 
Um criador de gado da região, chamado Coutinho, passando por ali, chamou o lugar de mar vermelho, o que seria firmado entre o reduzido número de moradores das cercanias e conservado quando o município foi criado. Com características da região européia, o município possui clima de serra e inúmeras fontes de águas minerais.
 
Sua temperatura mais baixa registrada foi de 10ºC, em 10 de julho de 2010. A principal atração do município é o clima serrano, e, por ser frio e seco, é aconselhado pelos especialistas para auxiliar no tratamento das doenças do aparelho respiratório. Destaca-se, também, a Lagoa Vermelha, abençoada pelo Cristo Redentor no alto da cidade. As festividades também atraem muitos visitantes, destacando-se: o carnaval, as festas religiosas - incluindo-se a da padroeira, Nossa Senhora da Conceição (8 de dezembro) – e o Festival de Inverno, um grande evento que ficou marcado na sua história e o inseriu no roteiro cultural alagoano.